Quatro astronautas voltaram à Terra neste domingo, 2, após passarem seis meses na Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês). Esta foi a missão tripulada mais longa da Nasa e a primeira feita em parceria com a SpaceX, do bilionário Elon Musk. Em nota, a agência espacial dos Estados Unidos confirmou que os norte-americanos Michael Hopkins, Victor Glover e Shannon Walker e o astronauta japonês Soichi Noguchi, aterrissaram em segurança no mar às 2h56 (3h56, no horário de Brasília), na Cidade do Panamá, na costa da Flórida. Esta foi a primeira aterrissagem noturna de um foguete norte-americano desde a missão da Apollo 8, em 1968.

O grupo decolou em 15 de novembro de 2020 em um foguete Falcon 9, no Centro Espacial Kennedy, na Flórida. Batizada de Resilience, a cápsula ancorou na ISS no dia 16 de novembro, quase 27 horas depois da partida. Os quatro astronautas ficaram 168 dias no espaço, completando 2.688 órbitas ao redor da Terra. “Ao longo de sua missão, os astronautas do Crew-1 contribuíram para investigações científicas e demonstrações de tecnologia , além de caminhadas espaciais e eventos de engajamento público, enquanto estavam a bordo do laboratório orbital”, informou a Nasa em nota.