Saúde libera vacina contra meningite para agentes da educação

Katy Meira
Katy Meira

A Unidade de Gestão de Promoção de Saúde (UGPS) liberou, temporariamente, a vacina meningocócica C para professores e demais agentes da educação, que estão em contato permanente com as crianças em sala de aula. A imunização será feita nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), de segunda a sexta-feira.

A iniciativa é válida para profissionais da rede municipal, estadual e particular. A pessoa deverá levar um documento para comprovação que trabalha na rede de ensino, além de documento com foto.

“A meningite é uma doença grave e tem transmissão pelas vias respiratórias. É fundamental que os professores e agentes de educação busquem a imunização para proteção própria, dos familiares e amigos, além das crianças da escola”, afirma a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Maria do Carmo Possidente.

A meningite é uma inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Os principais sinais e sintomas são febre, dor de cabeça, vômitos, náuseas, rigidez de nuca e manchas vermelhas na pele.

Demais vacinas

Também estão disponíveis nos equipamentos de saúde as demais vacinas previstas no Calendário Nacional de Imunização, para crianças, adolescentes e adultos, além das doses contra Covid-19, inclusive a Pfizer bivalente, e a vacina contra Influenza para a população a partir de seis meses.

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário