Estudantes baianos da rede pública levarão projeto de educação a Portugal em novembro

Katy Meira
Katy Meira

Uma experiência única para dez estudantes e dois docentes de escolas públicas municipais de Salvador e Mata de São João, na Região Metropolitana, vai ocorrer em novembro. Eles irão viajar para um intercâmbio cultural de dez dias pelo projeto “Era Uma Vez… Brasil”.

Os nomes dos estudantes serão anunciados neste sábado (20), durante um evento realizado no Subúrbio 360º, a partir das 10h. Além disso, o evento vai lançar o livro de histórias em quadrinhos “O Outro Lado da História” e de quatro filmes curtas-metragens, todos produzidos pelos alunos durante as etapas do projeto.

A iniciativa mobiliza também professores de História e alunos do oitavo e nono ano da rede pública de ensino de outras sete cidades brasileiras: Jacobina (BA); Belo Jardim (PE); e Lençóis Paulista, Macatuba, Ribeirão Preto e Serrana (SP).

Cerca de 27 escolas públicas de Salvador e Mata de São João já passaram por duas das quatro fases propostas pelo projeto. Desde maio, mais de 300 estudantes inscritos, um total de 2.700 em todo o país.

Em junho, durante as férias dos estudantes, o projeto desenvolveu uma proposta pedagógica que acompanha o ano letivo das escolas e realizou a etapa ‘Campus de Arte-Educação’, um acampamento educativo de sete dias, em que os alunos ficaram imersos participando de oficinas de audiovisual, interpretação, roteiro, som e fotografia, além de vivências indígenas e afro-brasileiras em um quilombo em Morro do Chapéu.

Share This Article
Leave a comment

Deixe um comentário