A Prefeitura do Rio de Janeiro antecipou o calendário de vacinação contra o novo coronavírus de grupos prioritários com até 52 anos para o dia 8 de maio. O novo cronograma libera a primeira dose do imunizante para homens e mulheres de 56 anos ou mais a partir de segunda-feira, 3. A vacinação será feita de forma escalonada de acordo com a idade e o sexo. As mulheres devem comparecer aos postos de vacinação entre 8h e 13h, enquanto homens podem ir das 13h às 17h. O prefeito Eduardo Paes (DEM) afirmou neste sábado, 1º, que a mudança foi feita pela chegada de novas remessas da vacina da AstraZeneca, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford e pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Fazem parte do grupo prioritário trabalhadores da educação, seja da rede pública ou privada, e também do ensino superior, pessoas com comorbidade, portadores de deficiências, profissionais das forças de segurança e trabalhadores de serviços essenciais. Esta última categoria integra profissionais da limpeza urbana, guardas municipais, motoristas e cobradores de ônibus e condutores do transporte escolar. Trabalhadores da saúde, que não são da área assistencial, mas atuam em hospitais, clínicas e outras unidades e que ainda não foram vacinados também podem ser imunizados.