A Polícia Militar de São Paulo foi acionada para dispersar uma multidão de jovens que estavam se aglomerando na Praça Franklin Roosevelt, localizada no Centro, na noite deste sábado, 17. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP) confirmou ter recebido denúncias de que pessoas no bairro da República não estavam usando máscara e tampouco mantendo o distanciamento social, desrespeitando portanto as leis de combate à Covid-19. De acordo com a entidade, houve dispersão pacífica após a chegada das equipes policias, sem que ninguém ficasse ferido ou fosse detido pelos oficiais. No entanto, jovens voltaram a se reunir no local neste domingo, 18. Moradores compartilharam nas redes sociais imagens que mostram uma multidão nos arredores da Praça Franklin Roosevelt:

Cidade Tiradentes

A Polícia Militar de São Paulo também impediu a realização de pancadões e bailes funk em Cidade Tiradentes, na Zona Leste da Capital. A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo afirmou que foram destacados 50 policiais, com empenho de aproximadamente 30 viaturas, para atuar na chamada Operação Paz e Proteção. Atualmente, a cidade está em uma fase de transição do plano de combate à pandemia do novo coronavírus, entre a vermelha e a laranja. Nessa etapa, o comércio recebeu autorização para reabrir em horários reduzidos e as atividades religiosas também puderam ser retomadas, mas as aglomerações continuam sendo proibidas.