A cidade do Rio de Janeiro concluiu a primeira etapa de vacinação contra a Covid-19 para idosos neste sábado, 24. Até o momento, segundo a prefeitura, 94,1% da faixa etária foi imunizada. No início da campanha, a meta era vacinar ao menos 90% dos idosos. Além disso, desde abril, a gestão da capital não registrou nenhum novo surto de Covid-19 em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI). Os moradores das casas estiveram entre os primeiros a receberem as vacinas no Rio. Em comparação, sete surtos foram notificados em janeiro, quatro em fevereiro e dois em março.

Apesar dos bons resultados, a Secretaria Municipal de Saúde pede para que a população mantenha os cuidados necessários contra a Covid-19 e que os idosos que ainda não se vacinaram procurem os postos de saúde o quanto antes. Segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde neste domingo, 25, o Rio de Janeiro registrou 1.016 casos confirmados de Covid-19 nas últimas 24 horas. No mesmo período, foram contabilizadas 57 mortes pela doença no Estado. Os números indicam que os cidadãos devem se manter em alerta já que o Rio acumula 724.596 infecções e 42.914 óbitos desde o início da pandemia. A capital fluminense continua como o município com mais contaminações e óbitos causados pelo coronavírus em todo o Estado, totalizando 253.492 casos confirmados e 23.254 mortes desde o início da pandemia.